Futuriste, a escola de drones que cresceu 265% em um ano

Ad Blocker Detectado

O nosso site está online graça à exibição de anúncios para os nossos visitantes. Apoie esta nova indústria desativando o seu bloqueador de anúncios Ad Blocker.

Empreender com Drones – Treinamentos

Este caso foi desenvolvido a partir de informações cedidas pela FUTURISTE.

Resumo

A capacitação para o uso dos drones, seja para uso particular ou comercial, está entre as principais áreas de mercado associadas a tecnologia.  A falta de capacitação adequada dos usuários é tanto uma preocupação dos órgãos reguladores, como da sociedade como um todo. A necessidade de se capacitar vai além da preocupação com segurança. Os cursos e treinamentos possibilitarão as estas pessoas,  extrair o máximo potencial dos equipamentos, de forma segura. A FUTURISTE é um startup de São Paulo-SP, premiada e incubada pelo SEBRAE-SP e reconhecida pela mídia nacional. Com uma trajetória marcada por decisões assertivas e grande receptividade de seus cursos e treinamentos pelo mercado, detém um modelo de negócio com bases sólidas e caminha a passos firmes. O caso pretende abordar a criação de um modelo de negócio de valor, fortalecendo sua proposta criando e cumprindo métodos e procedimentos.

Apresentação

A FUTURISTE TECNOLOGIA foi fundada em meados de 2015 pelos sócios Raquel Molina e Leonardo Minúcio. Ambos ocupavam cargos estratégicos em uma instituição financeira, de onde deligaram-se para “mergulhar de cabeça” no projeto. O investimento foi de cerca de R$250.000,00, subdividido entre especializações, montagem do escritório, produção de material para ensino, investimento em marketing e publicidade.

“Quando começamos, já tínhamos alinhado todas as expectativas à curto, médio e longo prazo. Havíamos dedicado muito tempo em pesquisas de mercado teóricas e práticas e para tudo havia um motivo estratégico, a começar pelo nome. Nós não queríamos somente uma empresa de drones, queríamos uma empresa de tecnologia, assim nasceu a FUTURISTE.”  Raquel Molina

A idéia de criação da empresa veio quando Molina e Minúcio enxergaram uma carência no mercado para oferta de cursos de capacitação em drones que tivessem padrões de ensino dentro de uma didática já adotada por grandes empresas de treinamentos, ainda que em outras áreas de atuação. A posteriori mapearam o cenário, identificando os desafios, oportunidades e moldaram sua estratégia de atuação.

“…viemos de experiências passadas em Multinacionais com valores e padrões gerenciais de alto nível. Trouxemos esse veia de excelência em atuação e performance desses ninhos de aprendizado; sempre tivemos o objetivo de aplicar em nosso empreendimento próprio os mecanismos adotados que essas empresas usam para manter sua imagem firme e bem posicionada.”  Leonardo Minúcio

A FUTURISTE oferece soluções baseadas em VANTs, que sejam diferenciais competitivos para os clientes, disseminando o conhecimento e estimulando a inovação tecnológica como forma de alavancar resultados. Todos os seus produtos de ensino possuem metodologia própria focada na oferta de cursos teóricos e práticos. Seu ambiente de ensino também é diferenciado, com um confortável espaço localizado na região central da capital de São Paulo. A empresa também oferece modelo de ensino itinerante para cursos in Company e projetos de Workshops em eventos.

Contextualização

A primeira turma de alunos concluiu o curso no segundo semestre de 2015, e logo após a FUTURISTE apresentou um expressivo crescimento de 265% no faturamento, isso somente até o segundo semestre de 2016.

Em fevereiro de 2015 a FUTURISTE participou da maior feira de empreendedorismo do país, a Feira do Empreendedor do Sebrae-SP, e foi premiada na categoria de empreendimento inovador, tornando-se Startup incubada pelo SEBRAE, podendo contar com toda a estrutura oferecida pela entidade; como apoio contábil, jurídico e mentores particulares.

Molina e  Minúcio já participaram de diversos programas de aceleração de startups, que lhes trouxeram benefícios como o acesso à gestores e empreendedores de sucesso.

Em outubro de 2016 foram convidados para participar de um programa de investidores internacionais, que nada mais é do que a versão nacional do Shark Tank. AA participação resultou em uma proposta de investimento que ainda está em negociação e análise por ambas as partes.

Em sua trajetória, a FUTURISTE,  firmou alianças e parcerias estratégicas, a Multinacional Bentley, é um exemplo disso. Recentemente, recebeu também destaque da mídia com uma participação no programa Pequenas Empresas, Grandes Negócios.

Elementos de Diferenciação

O diferencial da empresa já começa no primeiro contato; em seu site o visitante tem um detalhamento minucioso sobre todo o conteúdo programático, bem como estrutura em horários da composição do curso, informações sobre certificados e instrutores. Com turmas pequenas onde o aluno coloca a mão na massa e aprende na prática A FUTURISTE criou uma estrutura onde os procedimentos são evidenciados e cumpridos e isso sem dúvida é um dos principais diferenciais de aceitação do público. A empresa conta ainda, com turmas pequenas onde o aluno coloca a mão na massa e aprende na prática.

Mesmo em meio ao expressivo investimento em estrutura, seus preços continuam competitivos com a média de mercado. A FUTURISTE fornece além do material didático, todo o equipamento necessário para a aprendizagem (drones- para as aulas de voo  e peças- para aulas de montagem). Em muitos casos o aluno quer aprender antes de escolher sua aeronave ideal e na FUTURISTE isso é possível. O reconhecimento de mercado tem refletido no rompimento de fronteiras, uma vez que a empresa já recebeu alunos da América do Norte e também de outros países da América do Sul, além da possibilidade de parcerias em outros continentes.

Programação de Crescimento

A FUTURISTE iniciou o ano de 2017 com um quadro de colaboradores e parceiros estendido. Sua equipe é composta por 10 pessoas, entre funcionários fixos, parceiros estratégicos e profissionais contratados para participação aleatória nas atividades.

Em fase de desenvolvimento de um novo setor, a empresa também projeta uma expansão de áreas de atuação para o ano de 2017.

 “A FUTURISTE entrará em uma nova fase de sua trajetória.”  Leonardo Minúcio

Dilema e a Conclusão

Tratando-se de uma área de extrema importância para o mercado de drones, a Capacitação de Pilotos é fator determinante para o sucesso do emprego da tecnologia. Dessa forma, espera-se que uma das exigências da ANAC seja a necessidade de capacitação em instituições qualificadas para o preparo desses profissionais.  Assim empresas que já atuam no mercado terão de buscar o enquadramento dentro das exigências que provavelmente a ANAC irá estabelecer.

Para tais desafios, a FUTURISTE mantém seu posicionamento na reafirmação do padrões de ensino, agregando novas estratégias de atuação que tornem o negócio mais seguro, diante de um cenário ainda de instabilidade.

“É importante salientar que uma Regulamentação favorável aos bons negócios já existentes culminariam em uma segurança maior para contínuos investimentos, que certamente gerariam novos empregos e favoreceria a economia local.”  Raquel Molina

Conclui-se, então, a importância de um bom planejamento estratégico, que possibilite a atuação com qualidade na área pretendida, bem como flexibilidade para acompanhar as possíveis mudanças de mercado.

Sobre a Futuriste

Empreendedores engajados, Molina e Minúcio identificaram nos drones um nicho de mercado promissor e após intensa pesquisa de mercado não tiveram dúvidas sobre investir na área de capacitação.

Raquel Molina, Pós-graduada em governança de TI pela Universidade Presbiteriana Mackenzie

Leonardo Minúcio, Pós-graduado/MBA em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Rua Bom Pastor, nº 2224, CJ. 1212, Ipiranga, São Paulo -SP

Contatos: (11) 2638-1316 / (11) 97435-2237

 

Se você encontrou um erro de ortografia, notifique-nos por favor, selecionando o texto e pressionando Ctrl + Enter.

mm

Adriana Guedini

Adriana Guedini é graduada em Administração de Empresas, pós-graduanda em Gestão de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e com Certificação Profissional ANBIMA - Série 10 (CPA-10) para atuação em Mercado Financeiro e de Investimentos. Sua trajetória profissional é pautada por um histórico empreendedor e de destaque em multinacionais e empresas de grande porte nacionais. Nestas, atuou nas áreas de Finanças, Comercial e Recursos Humanos, adquirindo experiência e know-how em inovação e gestão de negócios. Aqui no IntoDrones tem o objetivo de produzir e compartilhar conteúdos sobre o mercado de drones e de áreas relacionadas para conscientização, estímulo e conhecimento geral, as quais fomentam o desenvolvimento dos setores.
mm

Receba nossas atualizações

Assine a nossa newsletter e receba conteúdos interessantes e atualizações direto no seu e-mail

Comentários

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: