“Táxis voadores” é a promessa da empresa alemã Lilium

Ad Blocker Detectado

O nosso site está online graça à exibição de anúncios para os nossos visitantes. Apoie esta nova indústria desativando o seu bloqueador de anúncios Ad Blocker.

A empresa Alemã Lilium, anunciou na última quinta-feira o sucesso do seu protótipo Eagle de 2 lugares. O protótipo realizou uma série de voos teste com manobras complexas sobre os céus da Bavaria

 

24 de abril de 2017 _ O objetivo da empresa é criar um táxi aéreo de 5 lugares, capaz de pousos e decolagens verticais e ainda 5 vezes mais rápido quando comparado aos veículos convencionais, o que em grandes centros urbanos, como São Paulo, pode representar uma valiosa economia de tempo.

A Lilium estima ainda que uma viagem hoje que levaria 55 min, com um custo entre 56 e 73 dólares, com o “táxi voador” seria possível economizar não só tempo, já que o trajeto levaria apenas 5 min, mas também o custo da viagem, que sairia inicialmente por $ 36 , com expectativas de reduzir para $ 6, quando pensado à longo prazo.

L2
lilium 3
lilium 5
lilium 6
lilium 8
lilium1

Ver o Lilium Jet  no céu e realizando manobras sofisticadas com aparente facilidade é testemunho da habilidade e perseverança da nossa equipe incrível. Resolvemos alguns dos mais difíceis desafios de engenharia na aviação para chegar a este ponto.Daniel Wiegand co-fundador e CEO

Com o sucesso do seu protótipo, a Lilium está agora concentrada no desenvolvimento da versão maior com 5 lugares do Lilium Jet. A empresa tem concorrentes de peso como a Airbus, que prometeu o lançamento de um protótipo ainda este ano e a AeroMobil que anunciou em um show de carros em Mônaco na quinta-feira que começaria a tomar pré-encomendas para um carro voador híbrido que poderá ser dirigirido em estradas.

Entretanto, as fabricantes dos chamados “carros voadores”, ainda tem longo caminho a percorrer, incluindo convencer os reguladores e o público que seus produtos podem ser usados com segurança. Os governos ainda estão lutando com regulamentação para drones e carros autônomos.

 

Sobre a Lilium
Lilium foi fundada em 2015 por Daniel Wiegand e três colegas-acadêmicos da Technical University of Munich. O grupo compartilhou uma visão de um tipo completamente novo de transporte. Em menos de dois anos, a Lilium cresceu da equipe fundadora para uma empresa de mais de 40 engenheiros de diferentes países. Desenvolvendo e construindo o primeiro jato vertical de decolagem e aterragem (VTOL) totalmente elétrico. Com uma estimativa de velocidade máxima de 300 km/h e zero emissões, o Lilium Jet será o mais eficiente e ambientalmente amigável meio de transporte de alta velocidade. Lilium visa libertar grandes centros urbanos e cidades do congestionamento e da poluição de hoje, com pessoas capazes de ir e vir livremente, ampliando grandemente o raio de sua vida cotidiana.

Se você encontrou um erro de ortografia, notifique-nos por favor, selecionando o texto e pressionando Ctrl + Enter.

mm
Siga-me

Wilson Duarte

Wilson é graduado em Matemática Aplicada Computacional pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro onde colaborou no desenvolvimento de algoritmos aplicados à otimização de recursos hídricos e nitrogênio na agricultura. Em 2011, recebeu o título de Mestre em ciências aplicados à geofísica computacional pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Sua carreira profissional tem sido pautada na pesquisa e desenvolvimento de análise de sinais provenientes de ondas sísmicas. "Estou envolvido ativamente em todos os aspectos de tecnologias que, embarcadas no drones, permitam redução de tempo, automação de processos e geração de informações para tomadas de decisão." Aqui no IntoDrones, Wilson tem o objetivo de fornecer informações que ajudem a promover a nova indústria do uso de Aeronaves Remotamente Pilotadas (RPAs/VANTs/Drones).
mm
Siga-me

Receba nossas atualizações

Assine a nossa newsletter e receba conteúdos interessantes e atualizações direto no seu e-mail

Comentários

Relatório de erros de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: